Mesa com papeis e xícara com pessoa desenhando simulando desenho industrial

Solicitar o registro de desenho industrial é uma tarefa indispensável quando falamos em fabricação industrial. Mas como proceder para que ele ocorra de maneira ágil, segura e efetiva?

Neste texto, exploraremos o que é o registro de desenho industrial, como esse processo é conduzido e por que contar com assistência especializada pode ser a chave para o sucesso desse empreendimento.

 

Mesa com papeis de desenho industrial, Notbook, óculos, régua, e compasso.

 

O que é desenho industrial?

O desenho industrial refere-se à forma ornamental de um objeto ou o conjunto ornamental de linhas e cores que possa ser aplicado a um produto, proporcionando um resultado visual novo e original na sua configuração externa. Em termos mais simples, trata-se da estética de um produto, aquilo que o torna único e visualmente atraente.

Nesse sentido, o desenho industrial é uma forma de expressão visual que combina estética, funcionalidade e inovação. Já o registro do desenho industrial é o meio pelo qual o criador protege legalmente sua criação, detendo assim os direitos exclusivos de sua reprodução, comercialização e utilização por um determinado período. Isso resguarda o investimento feito pela empresa e cria segurança jurídica contra possíveis cópias não autorizadas.

Sendo assim, o registro do desenho industrial representa um componente essencial para a proteção e valorização de produtos, podendo ser considerado um diferencial competitivo no mercado.

Como é feito o registro de desenho industrial?

O autor do desenho industrial (ou procurador responsável) deve solicitar o registro junto ao Instituto Nacional de Propriedade Intelectual – INPI, que no Brasil, é o órgão responsável por oferecer esse serviço. Ele vai receber a solicitação e realizar seu exame, podendo a análise total do pedido levar até 10 meses.

Todo o processo é realizado online, no sistema e-INPI, e o responsável deve ser cadastrado para poder acessá-lo.

Após realizar o cadastro e fazer login em sua conta, será necessário pagar a GRU (Guia de recolhimento da União) para então iniciar, de fato, a solicitação do serviço. Feito isso, entramos na fase de petição, onde será preenchido o formulário do pedido e enviada a documentação técnica pertinente (desenhos ou fotografias, relatório descritivo, etc.).

A fase posterior é de acompanhamento processual e é muito importante aqui estar atento aos prazos e manifestações do INPI. O andamento do processo deve ser consultado na Revista da Propriedade Industrial (RPI), onde são publicadas, semanalmente, informações referentes aos pedidos.

Se tudo correr bem, a publicação do deferimento ocorrerá na RPI e o certificado de registro do desenho industrial já estará disponível para download.

O certificado possuirá a validade de 10 anos, sendo renovável por três períodos de 5 anos.

 

Dois homens e uma mulher de blazer em um escritório especialista em desenho industrial

 

Por quê contar com a ajuda de especialistas?

O registro de desenho industrial é uma etapa fundamental para preservar a originalidade e a identidade visual de um produto. Ele pode parecer simples à primeira vista, mas alguns detalhes técnicos exigem expertise para garantir que seu resultado seja ágil e favorável.

O auxílio de uma equipe de especialistas em cada etapa específica pode ser um diferencial. Além de realizar todas as tarefas inerentes, como a elaboração e juntada da documentação (incluindo diferentes perspectivas e descrições detalhadas), o correto preenchimento de formulários com informações que atendam aos requisitos legais e sobretudo, o rastreamento do processo até seu desfecho final, a Pereira Bertozzi proporciona uma estratégia de proteção intelectual.

Oferecendo uma análise detalhada do desenho industrial, é possível identificar anteriormente os pontos fortes e fracos para otimizar o processo de registro. Já durante a tramitação, o acompanhamento do processo é realizado de maneira personalizada para garantir os melhores resultados.

Proteja sua criação, destaque-se no mercado e garanta a exclusividade de seus designs contando com a assessoria especializada da Pereira Bertozzi!

Este texto ajudou a tirar suas dúvidas sobre o processo de registro de desenho industrial? Então siga-nos nas redes sociais para mais conteúdos como esse: LinkedIn e Instagram.

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Termos de uso
Usamos cookies para melhorar sua experiência ao usar nosso site. Se estiver usando nossos Serviços por meio de um navegador, você pode restringir, bloquear ou remover cookies nas configurações do seu navegador. Também usamos conteúdo e scripts de terceiros que podem usar tecnologias de rastreamento. Você pode fornecer seu consentimento seletivamente abaixo para permitir tais incorporações de terceiros. Para obter informações completas sobre os cookies que usamos, dados que coletamos e como os processamos, verifique nossa Política de Privacidade
Youtube
Consentimento para exibir conteúdo de - Youtube
Vimeo
Consentimento para exibir conteúdo de - Vimeo
Google Maps
Consentimento para exibir conteúdo de - Google
Spotify
Consentimento para exibir conteúdo de - Spotify
Sound Cloud
Consentimento para exibir conteúdo de - Sound